ANTT DISCUTE CONCESSÃO DA BR-381 EM AUDIÊNCIA PÚBLICA

audiencia-publica-381

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) realizou na última quarta-feira (3/08) a audiência pública para o projeto de concessão da BR-381, conhecida como rodovia da morte.

Audiência Pública, franqueada aos interessados, teve como objetivo tornar público, colher sugestões e contribuições às minutas de Edital e Contrato, ao Programa de Exploração da Rodovia e aos Estudos de Viabilidade, para concessão da rodovia BR-381/MG, trecho com início em Belo Horizonte/MG, no entroncamento com a BR-262/MG (p/ Sabará) até o entroncamento com a BR-116/MG (Governador Valadares/MG), com extensão de 304 km.

A FETCEMG e o SETCEMG foram representados na audiência pelo assessor Luciano Medrado, que apresentou as propostas do setor. Dentre elas, a construção de área de descanso para motoristas profissionais com infraestrutura adequada.

O projeto de concessão da BR-381 prevê a duplicação, com barreiras físicas entre as pistas, de 131,6 km no trecho entre Belo Horizonte e Governador Valadares, em um prazo de sete anos. As primeiras obras de duplicação deverão ficar prontas no terceiro ano após a assinatura do contrato, conforme previsto no cronograma inicial. Já a cobrança de pedágio pode ser iniciada no segundo ano após a assinatura do contrato.

Segundo documentos disponíveis para consulta pública, os primeiros trechos duplicados, entregues no terceiro ano de concessão, serão 12,96 km entre os marcadores 314,2 e 327,16, próximo à cidade de Jaguaraçu de Minas, e outros 9,19 km na altura do km 331 da via, próximo à Nova Era.

Segundo a Agência Nacional de Transporte Terrestre (ANTT), no primeiro e segundo anos da concessão serão realizados os trabalhos iniciais com foco na eliminação de problemas que representem riscos e desconforto aos usuários, como a recomposição da sinalização na via. Os investimentos mais significativos serão realizados até o oitavo ano de concessão. Nos demais períodos, as intervenções passarão a ser mais pontuais, como foco em manutenção da via. A concessão terá validade de 30 anos.

Leilões em rodovias estaduais

Na próxima semana, o governo de Minas Gerais planeja realizar uma sequência de três leilões: no Triângulo Mineiro (8/08), no Sul de Minas (12/08) e do Rodoanel Metropolitano de Belo Horizonte (12/08).

Deixe um comentário

Privacy Preferences
When you visit our website, it may store information through your browser from specific services, usually in form of cookies. Here you can change your privacy preferences. Please note that blocking some types of cookies may impact your experience on our website and the services we offer.