Deprecated: preg_split(): Passing null to parameter #2 ($subject) of type string is deprecated in /home/setcemg/public_html/wp-includes/formatting.php on line 3506

Deprecated: preg_split(): Passing null to parameter #2 ($subject) of type string is deprecated in /home/setcemg/public_html/wp-includes/formatting.php on line 3506
Scroll Top

ANTT publica nova resolução sobre Piso Mínimo de Frete

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) publicou nesta quarta-feira (13), uma nova resolução sobre a tabela de Piso Mínimo de Frete – a Resolução nº 5.858/19. O Setcemg encaminhou a Circular 077/2019 na quinta-feira (14), para seus associados, informações detalhadas sobre a nova resolução que restabelece a vigência da Resolução nº 5.849/19 de 16 de julho de 2019, com alterações no artigo 3º.

A resolução estabelece ajustes na tabela anterior, principalmente com relação à inclusão da obrigatoriedade  do lucro, dos impostos e da pernoite para o caminhoneiro.

A nova política de cálculo do piso mínimo de frete  foi elaborada pela ESALQ (Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz) com base em consulta pública, e aprovada pelo Ministério de Infraestrutura.

Inclusive, o Setcemg recebeu, em junho deste ano, em seu Encontro de Empresários, o  professor José Vicente Caixeta Filho, mestre em Economia e responsável pela revisão e aprimoramento da Lei nº 13.703/2018, que trata dos preços mínimos de fretes.

Na ocasião, o professor explicou que a equipe da ESALQ foi convidada pela ANTT para dar apoio técnico e revisar a política nacional de tabela de tabela de fretes. Na palestra, o professor Caixeta explicou a metodologia usada para criar a tabela, a escuta realizada por meio de audiências públicas e e-mail encaminhados para agência e o cronograma de publicações que seria seguido.

A assessoria jurídica do Setcemg está à disposição de suas associadas para quaisquer esclarecimentos.

Relembre o caso

A Resolução nº 5.849/2019 foi publicada em 18 de julho de 2019 pela ANTT, com auxílio técnico da FEALQ/Grupo ESALQ-Log/USP, após discussões da Audiência Pública nº 2/2019, que contou com a participação de transportadores autônomos, empresas e cooperativas de transporte, contratantes de frete, embarcadores e diversos outros agentes da sociedade.

Após diversas críticas, a Agência deliberou em 22 de julho de 2019 pela suspensão cautelar da Resolução nº 5.849/2019, oportunidade em que restabeleceu os efeitos da Resolução n° 5.820/2018, e suas atualizações dos valores.


Vigência restabelecida com alterações

Com a publicação da Resolução nº 5.858/2019, em 13 de novembro de 2019, a Resolução nº 5.849/2019 voltar a viger com as alterações promovidas em seu artigo 3º, que trata da metodologia, aplicação e do cálculo dos pisos mínimos.

Com informações da CNT

Deixe um comentário

Privacy Preferences
When you visit our website, it may store information through your browser from specific services, usually in form of cookies. Here you can change your privacy preferences. Please note that blocking some types of cookies may impact your experience on our website and the services we offer.