CADASTRO TÉCNICO FEDERAL APLICÁVEL AO TRANSPORTE DE PRODUTOS PERIGOSOS EM DEBATE NO 8° CICLO DE PALESTRAS AMBIENTAIS

Na terça-feira (16), o Setcemg colocou em debate a legislação e as obrigações ambientais com a realização da 8ª edição do Ciclo de Palestras Ambientais que teve como foco o Cadastro Técnico Federal aplicável ao transporte de produtos perigosos e outros temas ambientais. O evento, que foi totalmente on-line, contou com o apoio do IBAMA e reuniu mais de 50 participantes.

“A cada ano, novas dúvidas surgem e outras atualizações da regulamentação são atualizadas. O atendimento à legislação mora nos pormenores e, por isso é muito importante essa atualização”, destacou o assessor juridicoambiental do Setcemg, Walter Cerqueira, na abertura do evento. “O IBAMA sempre nos traz muito conhecimento, agrega valor e traz um relacionamento entre o órgão e as entidades. É muito importante estarmos em permanente contato e estamos sempre de portas abertas para sempre levar informações do IBAMA para os transportadores”, completou.

Entre os temas abordados estavam o Cadastro Técnico Federal aplicável ao transporte de produtos perigosos (CTF AIDA), o Relatório Anual de Atividades (RAPP) e a taxa de controle de fiscalização (TCFA e TFAMG). Os especialistas falaram das atualizações e ainda tiraram as principais dúvidas dos participantes.

A assessora juridicoambiental do Setcemg, Juliana Soares, destacou a importância do Ciclo de palestras para o segmento de transporte de produtos perigosos. “Trata-se de um tipo de transporte que exige licenças e autorizações dos órgãos ambientais e controles específicos das rotas e produtos e resíduos transportados. O Ciclo de Palestras permite disseminar o conhecimento das principais atualizações e também de informações valiosas sobre as principais obrigações dos transportadores”, afirmou.

“Esse evento se enquadra dentre as obrigações mais nobres que o IBAMA tem que é de estar junto da sociedade demandante daqueles serviços que uma entidade pública oferece. Nosso portfólio de atividades é abrangente, atende todo o país, e inclui atividades como fiscalização e licenciamento que dizem respeito a anuências especificas para situação de emergência ambiental. E aqui nós temos um público muito importante que é o setor de transporte”, afirmou o superintendente do IBAMA, Ênio Fonseca. “Uma das funções que o poder público precisa acompanhar são atividades que causam impacto ambiental, oferecendo cuidados e orientação. E isso só é possível fazer quando existe parceria”, finalizou.

Se você não pode participar, mas quer saber das atualizações debatidas no Ciclo de Palestras Ambientais, o evento  está disponível no canal do Setcemg no Youtube e pode ser acessado a qualquer momento.

Posts relacionados

Deixe um comentário

Privacy Preferences
When you visit our website, it may store information through your browser from specific services, usually in form of cookies. Here you can change your privacy preferences. Please note that blocking some types of cookies may impact your experience on our website and the services we offer.