NTC: DEMANDA POR TRANSPORTE RODOVIÁRIO DE CARGAS NO BRASIL TEM MELHOR NÍVEL DESDE MARÇO

A demanda por transportes rodoviários de cargas no Brasil voltou a melhorar na última semana, atingindo o maior nível desde o final de março, em meio ao relaxamento de algumas normas de isolamento social para controlar o coronavírus, indicou pesquisa divulgada nesta terça-feira (16) pelo Decope, Departamento de Custos Operacionais da NTC&Logística.

O indicador teve melhora de 1,4 ponto percentual na semana até 14 de junho e agora apresenta queda de 36,8% em relação aos níveis verificados antes das crises sanitária e econômica. Esse é o melhor resultado desde a semana terminada em 29 de março, quando o recuo da demanda atingia 26,9%.

“Os números parecem indicar o caminho de uma melhora. Se nada atrapalhar, acredito que estejamos no início da retomada”, afirmou o responsável pela pesquisa da NTC, Lauro Valdivia.

Desde o início do levantamento, em março, o menor nível foi registrado na semana até 19 de abril – queda de 45,2%.

Embora tenha havido melhora na demanda, o percentual de empresas que tiveram queda no faturamento durante a pandemia aumentou para 89%, ante 88% na semana anterior. Em meados de maio, o índice chegou a 94%, segundo o levantamento.

Para cargas fracionadas, a sondagem mostrou uma melhora de pouco mais de 5 pontos na comparação semanal, embora ainda haja uma variação negativa de 31,23% em relação aos níveis pré-pandemia.

Já para cargas lotação, a retração chegou a 37% na última semana, melhora de 2 pontos.

TRC na Mídia

 O jornal Diário do Comércio repercutiu o resultado da pesquisa em seu portal no dia 17. Confira aqui.

Posts relacionados

Deixe um comentário

Privacy Preferences
When you visit our website, it may store information through your browser from specific services, usually in form of cookies. Here you can change your privacy preferences. Please note that blocking some types of cookies may impact your experience on our website and the services we offer.